Goiás Social: Jovens dos programas da Juventude da OVG recebem Crédito Social e Bolsa Qualificação

90 beneficiários foram contemplados. Também foram entregues 162 certificados de conclusão de cursos gratuitos ofertados em uma parceria da OVG com o Colégio Tecnológico

Noventa beneficiários dos Programas da Juventude da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) receberam, na manhã deste sábado (27/4), cartões do Crédito Social e da Bolsa Qualificação, iniciativas do Goiás Social. Ainda foram entregues 162 certificados de conclusão de cursos gratuitos ofertados pelo Colégio Tecnológico (Cotec) em parceria com a OVG. As entregas ocorreram durante a II Reunião da Família do Centro da Juventude Tecendo o Futuro, na região Leste de Goiânia.

As qualificações foram voltadas a beneficiários do Centro da Juventude Tecendo o Futuro e programas Universitário do Bem (ProBem) e Meninas de Luz, que fizeram cursos de inglês básico, marketing digital, serviços de beleza e informática básica, com carga de 40 horas.

A presidente de honra da OVG e coordenadora do Goiás Social, primeira-dama Gracinha Caiado, lembra que o Crédito Social estimula o empreendedorismo na população mais vulnerável, que tem vontade de aprender uma nova profissão e empreender. “A política social mais efetiva é aquela que possibilita uma verdadeira travessia, uma porta de saída da pobreza. Trabalhamos para que as famílias goianas tenham dignidade e autonomia e possam ter a oportunidade de um futuro melhor”, afirma.

O Crédito Social garante o repasse de até R$ 5 mil aos alunos que atendem os requisitos do CadÚnico para a compra de insumos e ferramentas na área da capacitação. O valor não precisa ser devolvido ao Estado, mas o beneficiário deve realizar alguma contrapartida social na região onde mora e na área do curso concluído. Já a Bolsa Qualificação de R$ 250 por mês é concedida com o objetivo de evitar a evasão escolar e estimular a conclusão de cursos de capacitação e qualificação.

Futuro
A vontade de garantir um futuro melhor para a família levou Raika Ramalho de Jesus, 17 anos, a se inscrever no Centro da Juventude Tecendo o Futuro e participar dos cursos de qualificação profissional. “Estou orgulhosa de mim. Vou me tornar uma empreendedora e trabalhar muito para melhorar minha vida”, comemora.

A diretora-geral da OVG, Adryanna Melo Caiado, frisa que o Centro foi pensado para oferecer segurança, conforto e dignidade a adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. E o mais importante: prepará-los para o mercado de trabalho. “Agradeço muito ao Cotec e à Retomada. A parceria de vocês faz a diferença na vida dos nossos jovens”, conclui.

“Esses jovens têm agora duas portas de saída da vulnerabilidade. Podem pegar o crédito social e empreender na área de conhecimento ou buscar uma vaga no mercado de trabalho formal. Temos mais de 4 mil vagas abertas em todo o estado procurando pessoas capacitadas como eles estão agora”, orienta o secretário de estado da Retomada, César Moura.

Foto: Aline Cabral

Raika Ramalho de Jesus, 17 anos, é beneficiária do Centro da Juventude Tecendo o Futuro e participa dos cursos de qualificação profissional

Organização das Voluntárias de Goiás – Governo de Goiás

Compartilhe seu amor
Alan Ribeiro
Alan Ribeiro

Alan inicia seus trabalhos com o único objetivo, trazer a todos informação de qualidade, com opinião de pessoas da mais alta competência em suas áreas de atuação.

Artigos: 15228