ANUNCIEAQUI01
IMG-20200430-WA0030-1024x1024-1-1-2
Religião

Deus pediu para te contar que suas orações não são em vão

ANUNCIEAQUI01

Deus pediu para te contar que suas orações não são em vão, mas que você precisa ter calma. Não é de respostas rápidas que você precisa agora.

Você precisa colocar em ordem a sua vida.

Eu sei que você sabe do que eu estou falando, e não dá para tapar o sol com a peneira e deixar pra lá o que merece o teu cuidado agora. Ele pediu pra você dobrar os joelhos diante de todas as dificuldades e aumentar a sua fé. Ele quer te ouvir, e quer que você o escute com sabedoria.

Tá com medo do que? Ele não te reprovará pelos deslizes que tem dado por aí. Mesmo falho(a) Ele cuidará dos seus tormentos e feridas. Esteja pronto(a). Não O culpe por suas escolhas erradas e precipitadas.

Quantas vezes Ele te pediu calma, e você enfiou os pés pelas mãos?

Quantas vezes você se esqueceu que só Ele tem o que você precisa, e é d’Ele que vem sua força?

Ele te espera pra cuidar do que ninguém mais é capaz. O coração está destruído, né? Então entrega nas mãos d’Ele.

Não é castigo pra te dar sinais de nada. Isso é só mais uma fase, como tantas outras que você ainda vai enfrentar por aí.

Serão dias difíceis sim, mas será através dos perrengues que você perceberá que Deus é maior que tudo isso que te afronta agora.

Eu sei que tá doendo, que o teu sorriso tem sido anulado por coisas pequenas. Eu sei que a vontade de desistir está sendo gigante, mas olha pra dentro de você e busque sabedoria para enfrentar de cabeça erguida.

Deus cuida, viu?

E ele caminha lado a lado para que nada e nem ninguém apague o brilho único que você carrega. Chora, desaba, e se reconstrói. Você ainda dará boas risadas de tudo isso e entenderá todos os porquês, paciência.

Deus pediu pra te lembrar!

 

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Adicionar comentário

Clique para comentar