Ipameri Policial

Suspeito é preso por receptação; dois PMs do DF e um homem por organização criminosa e tortura

IMG-20200817-WA0009
(Foto: Zap Catalão)

Três homens armados aterrorizaram algumas distribuidoras de bebidas em Ipameri, segundo informações do Delegado Fernando Maciel coordenador do Genarc/9ª Delegacia Regional de Polícia, os homens eram do Distrito Federal, e acreditavam que nos comércios estariam mercadorias de origem criminosa, entre os envolvidos dois eram policiais militares, um da ativa e outro da reserva. O fato ocorreu na tarde deste domingo, 16.

Durante a ação do trio que estava fortemente armados com uma calibre 12, segundo o delegado, eles agiram de forma ostensiva, e com violência.

Segundo a Polícia Militar, as equipes receberam uma informação que integrantes da segurança privada da empresa Atacadão Vivendas haviam localizado uma carga de cerveja produto do crime de estelionato ocorrido em Santa Maria-DF.

(Foto: Divulgação/PM)

Foi prestado o apoio policial e recuperadas as seguintes mercadorias: 117 Fardos de cerveja marca Heineken com 24 unidades cada; 191 Fardos de cerveja marca Antártica com 15 unidades cada; 144 Caixas da cerveja marca Eisenbahn com 12 unidades cada; 35 Caixas de energético da marca Red Bull de 250 ml cada; 11 Cervejas da marca Eisenbahn de 350 ml cada; 01 Caminhão VW/ 8.160 DRC 4X2 de cor prata ano 2002.

Todos os envolvidos foram encaminhados a Central de Flagrantes da Delegacia de Polícia Civil de Catalão, onde um homem de 33 anos foi preso suspeito do crime de receptação qualificada, os dois policiais do Distrito Federal juntamente com outro suspeito foram autuados pelos crime de organização criminosa e tortura.

(Foto: Zap Catalão)

Fonte: PM e Zap Catalão

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Adicionar comentário

Clique para comentar