Solidariedade

Um exemplo a ser seguido

IMG-20191008-WA0007

Sadio Mané: Para quê por que eu quero 10 Ferraris, 20 relógios de diamantes ou 2 aviões? O que eles farão por mim e pelo mundo?

Sofri fome, trabalhei no campo, sobrevivi às guerras, joguei futebol descalço, não tinha educação e muitas outras coisas, mas hoje com o que ganho graças ao futebol, posso ajudar o meu povo. Eu construí escolas, um estádio, fornecemos roupas, sapatos, alimentos para pessoas de extrema pobreza. Além disso, dou 70 euros por mês a todas as pessoas de uma região muito pobre do Senegal que contribuem para a economia familiar.

Não preciso exibir carros de luxo, mansões luxuosas, viagens e muito menos aviões; prefiro que os meus recebam um pouco do que a vida me deu. “

GRANDE SER HUMANO!

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Adicionar comentário

Clique para comentar