Economia Entretenimento

CNN Brasil entra no ar neste domingo; saiba mais sobre o fundador, Rubens Menin

cnnbrasil-868x644

Investimento de R$ 700 mi em 10 anos. Já tem 600 funcionários. Menin tem 65% da emissora. Ex-Record, Tavolaro tem 35%

Hall de entrada da sede da CNN Brasil, em São PauloSpokesman/Divulgação

CNN Brasil entra no ar oficialmente neste domingo (15.mar.2020). O investimento na emissora é estimado em R$ 700 milhões em 10 anos –sendo que R$ 80 milhões foram gastos na implementação do canal nos últimos 14 meses. Os fundadores são o empresário Rubens Menin, 63 anos, e Douglas Tavolaro, 42 anos.

Terá sede em São Paulo (SP) e escritórios em Brasília (DF) e no Rio de Janeiro (RJ) e já soma 600 funcionários.

Menin é sócio majoritário. Tem 65% do controle acionário. É fundador de 3 grandes empresas: MRV Engenharia (empreiteira que se fortaleceu depois de realizar obras para o programa Minha Casa Minha Vida, criado no governo Lula, em 2009), Banco Inter (instituição financeira digital que tem mais de 4 milhões de clientes) e Log Commercial Properties (empresa de locação de propriedades comerciais).

Já Douglas Tavolaro, sobrinho de Edir Macedo, foi vice-presidente de jornalismo da Record de 2009 a 2019 –deixou o cargo para comandar a nova emissora. É autor da biografia de seu tio “O Bispo. A história revelada de Edir Macedo”, lançada em 2007.

CONEXÕES DA CNN BRASIL

“Nosso objetivo é contribuir com a democratização da informação no Brasil. Um país com uma sociedade livre e desenvolvida só é construído com uma imprensa plural”, afirmou Menin quando o acordo de licenciamento foi fechado com a CNN Internacional. Em entrevista à Folha de S.Paulo, 1 dos filhos do empresário, Rafael Menin (copresidente da MRV), declarou que o pai sempre teve o desejo de ter 1 veículo de comunicação por “querer a notícia bem feita, 1 bom jornalismo, construtivo”.

Mas isso dependerá da interferência do próprio Rubens Menin. O empresário já se posicionou politicamente nas redes sociais. Nas eleições de 2018, fez 20 doações. A maior delas, de R$ 500 mil, foi para o diretório do DEM no Rio de Janeiro. Também contribuiu para a campanha a senador de Bruno Araújo (PSDB) com R$ 250 mil e para a campanha a deputado federal de Aguinaldo Ribeiro (PP) –com o mesmo valor.

Aguinaldo Ribeiro foi ministro das Cidades durante o governo Dilma Rousseff (PT). Esteve presente nas negociações da MRV com o Minha Casa Minha Vida. O programa era responsável por mais de 80% das vendas da empreiteira até setembro de 2019.

Menin também já elogiou publicamente o presidente da República, Jair Bolsonaro. Em 22 de janeiro do ano passado, disse, em sua conta do Twitter, que a participação do líder brasileiro e de seu ministro Paulo Guedes (Economia) no Fórum Econômico de Davos serviria para “passar uma boa imagem do Brasil e facilitar a volta dos investimentos externos”. Afirmou que o presidente “acertou em cheio” ao cancelar a instalação de 8.000 novos radares eletrônicos em rodovias federais. Também elogiou a intenção de realizar uma reforma tributária, dizendo que traria mais “eficiência” à máquina do Estado.

Dias antes, em 18 de janeiro, Bolsonaro e seu filho, deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SL) reuniram-se com Menin e seu sócio, Douglas Tavolaro, no Palácio do Planalto. Segundo a assessoria da CNN Brasil, o objetivo do encontro foi discutir a chegada do canal de notícias, principalmente, o investimento feito no setor de comunicação brasileiro e a criação de vagas de trabalho no país.

Em nota enviada ao Poder360 em outubro de 2019, a nova emissora declarou que seguirá uma linha editorial “independente e pautada exclusivamente pela prática do bom jornalismo”. Afirmou ainda que a gestão do canal é conduzida por “1 grupo de executivos de mídia com reconhecida experiência no setor de comunicação, cujos currículos foram apreciados pela CNN Internacional”.

O infográfico abaixo mostra os primeiros passos da nova emissora. Tem grandes patrocinadores e estará nas principais operadoras. Espera alcançar até 60 milhões de telespectadores por dia.cnn-conexoes-copy-2-768x2967

EMPRESAS DE RUBENS MENIN

O sócio majoritário da CNN também é fundador de outras 3 grandes empresas: MRV, Banco Inter e Log Commercial Properties. Somadas, têm valor de mercado de R$ 25 bilhões. A mais antiga é a MRV, fundada em 1979 e que registrou maior lucro e receita em 2019: R$ 690 milhões e R$ 6,1 bilhões, respectivamente.

Leia mais no infográfico abaixo preparado pelo Poder360:cnn-valores-768x1574

Fonte Poder 360

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Adicionar comentário

Clique para comentar