Esportes

Brasil enfrentará França nas oitavas de final da Copa do Mundo

SAN DIEGO, CA - JULY 30:  Jucinara #22, Monica #21, Djenifer #5, Leticia #15, Gabi Nunes #7 and Andressinha of Brazil celebrate a goal against the United States during the first half of a match in the 2017 Tournament of Nations at Qualcomm Stadium on July 30, 2017 in San Diego, California.  (Photo by Sean M. Haffey/Getty Images)
SAN DIEGO, CA - JULY 30: Jucinara #22, Monica #21, Djenifer #5, Leticia #15, Gabi Nunes #7 and Andressinha of Brazil celebrate a goal against the United States during the first half of a match in the 2017 Tournament of Nations at Qualcomm Stadium on July 30, 2017 in San Diego, California. (Photo by Sean M. Haffey/Getty Images)

Lille (França) — Após o final da fase de grupos nesta quinta-feira (20/6), o Brasil finalmente conheceu o adversário das oitavas de final da Copa do Mundo da França. A Seleção Brasileira de futebol feminino não conseguiu fugir da anfitriã e irá até Le Havre para enfrentar a França no próximo domingo (23/6), às 16h (horário de Brasília).

A equipe brasileira dependia de uma combinação de resultados na última rodada para que o caminho não se cruzasse tão cedo com as donas da casa. Dos times que o Brasil dependia, apenas o Chile não cumpriu o dever de casa. Mesmo vencendo a Tailândia por 2 a 0, o saldo de gols não foi suficiente para superar a Nigéria, que avançou para as oitavas de final.

equipe comandada por Marta passou da primeira fase no grupo dos quatro melhores terceiros colocados. Com seis pontos, o Brasil foi o melhor colocado entre os quatro times que avançaram. Além da Seleção, Nigéria, China e Camarões avançaram para as oitavas. Screenshot_20190619-184220_Canva

Adversário

A França teve um aproveitamento de 100% na primeira fase da competição. A estreia foi uma vitória convincente por 4 x 0 contra a Coreia do Sul. As anfitriãs ainda venceram a Noruega, campeã mundial em 1995, e a Nigéria. Além do otimismo da equipe, o Brasil terá que enfrentar também uma torcida animada.

Apesar dos pontos contra a Seleção, o Brasil, no entanto, tem mais experiência e chegou mais longe na competição que a França. Enquanto, a equipe verde e amarela foi vice-campeã em 2007, a França, que disputa a quarta Copa do Mundo, teve seu melhor resultado na competição em 2011, quando chegou às semifinais em 2011, na Alemanha, faturando o quarto lugar.

Fonte Correio Brazilense

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Adicionar comentário

Clique para comentar