Política

Avião com irmão e advogado de Marconi Perillo cai após pane, em Mato Grosso

WhatsApp-Image-2019-05-03-at-14.55.59-1

Aeronave chegava o município de Vila Rica quando caiu após atravessar a BR-158. Apesar do susto, ninguém se feriu

Um avião monomotor que tinha como passageiros Antônio Perillo e João Paulo Brzezinski, irmão e advogado do ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), caiu na manhã desta sexta-feira (03), em Vila Rica, município de Mato Grosso. A informação foi confirmada pela assessoria do advogado. Apesar do susto, ninguém se feriu.

De acordo com informações da Polícia Civil do MT, o avião chegava ao destino quando teria sofrido uma pane, atravessou a BR-158 e só parou do outro lado da rodovia. Com o impacto, a aeronave partiu ao meio. Ainda de acordo com a corporação, o avião já havia apresentado problemas ao fazer pouso forçado em duas fazendas da região.

Testemunhas informaram  que na região em que o avião parou na noite desta quinta-feira (2) ocorria uma disputa de reintegração de posse há quatro dias. Na ocasião, a aeronave foi cercada por maquinários agrícolas de fazendas da região. Testemunhas levantaram a hipótese de sabotagem no avião, porém nada foi confirmado pela PCMT, que colhe os depoimentos das vítimas.

A Polícia Militar de Mato Grosso confirmou que atendeu um ocorrência de reintegração de posse nas proximidades onde o avião estava, mas não confirma que uma ocorrência tenha relação com a outra. Na ocasião, duas pessoas foram presas.

Avião cercado por maquinários de fazendeiros na noite anterior (Foto: Leitor /Mais Goiás)

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Adicionar comentário

Clique para comentar